7 dicas para se organizar e melhorar o desempenho nos estudos

Em período escolar, seja na idade que for (desde a quinta série até a pós graduação), normalmente o aluno sofre com o volume de atividades e/ou responsabilidades. Deveres de casa, provas, resultados, apostilas, formulários, guias de estudo e mais uma avalanche de informação e conteúdo. Ao organizar o material escolar e planejar as atividades de estudo, o aluno garante um melhor desempenho nos estudos e um gerenciamento mais eficiente do seu tempo.

  Abaixo apresento 7 dicas que poderão ajudar.

1. Calendário
Utilize um calendário mensal com espaço para anotações. Eles são mais flexíveis para inserir e remover notas, testes e materiais de leitura. Nele você deve planejar e agendar tempo para as atividades relacionadas à escola, como encontros, testes e tarefas de casa. Prefira fichários a cadernos espirais.

2. Agendas
 Adquira planejadores ou agendas. Estudantes devem logo cedo criar o hábito do seu uso. Com uma agenda, fica fácil guardar e classificar, criar listas e lembretes para ajudar a organizar-se com os deveres de casa, data de provas, formulários para autorização etc.

3. Organize seu tempo
 Não se comprometa com mais atividades do que é capaz de cumprir. Faça uma tabela do tempo que inclua suas principais atividades de estudo e tarefas escolares.
 Programe sessões de meia hora de estudos. Você absorve mais e não fica cansado. Não deixe para estudar para a prova em cima da hora.
Determine quantas sessões de estudo você precisará e agende-as no seu calendário. então encaixe as atividades extras, levando em conta o tempo que leva para mudar de uma para outra.

4. Utilize a tecnologia a seu favor
Utilize ferramentas que otimizem sua produtividade. Seu computador, Tablet ou Smartphone podem ser um forte aliado para sua organização nos estudos. Aplicativos para anotações de texto e voz, alarmes, editores de texto, serviços de armazenamento virtual, agendas digitais, dicionários e tradutores, conversores etc, tudo isso, utilizado de forma consciente, irá ajudar a reduzir sua carga de trabalho e melhorar a administração do seu tempo.

5. Organização dos papeis
 Eu sempre digo que Informação é poder! Mas apenas se você tem acesso a ela quando precisa. Aqui está o problema: Quando você não sabe o que fazer com um pedaço de papel, como um texto ou boletim por ex., e não um lugar certo pra ser colocado, ele acaba se perdendo ou guardado de uma forma que dificulta muito que seja encontrado novamente. O segredo para ganhar o controle sobre seus papeis pessoais ou de estudos está no entendimento de que cada papel novo precisa de uma ação imediata, precisa ser guardado imediatamente e precisa de um lar permanente.

A parte mais difícil na tarefa de organizar um arquivo, é saber por onde começar e que categorias utilizar. Pensando nisso criamos um sistema pronto, pra facilitar a vida das pessoas. ÉOZ! Arquivo Mágico®. Vale a pena conhecer.

6. Lista de Tarefas
 Não confie somente em sua memória. Tome nota de tudo, mas de forma organizada. Isso ajuda e facilita a recuperação das informações importantes, além de manter sua cabeça “limpa” para se concentrar no estudo, nas aulas e nas coisas realmente importantes.
 Faça também uma lista principal com tudo que tem que cumprir e transfira aos poucos para sua lista de tarefas diárias, riscando na lista principal o que foi realizado.

7. Não se atrase
Se estudar de manhã, acorde cedo o suficiente para se aprontar para a escola sem pressa. Para ter certeza de que vai levantar, deixe o seu despertador do outro lado do quarto, assim você é obrigado a se levantar para desligá-lo.
 Uma dica que ajuda muito, é criar o hábito de antes de dormir deixar sua roupa e material escolar, preparados para o dia seguinte. Não saia para a escola no último minuto, leve em consideração o trânsito e outras circunstâncias que podem fazer você se atrasar.

Dicas extras
• Para cada hora de estudo em sala de aula, você deve separar duas horas para estudar em casa.

Não deixe de conhecer a técnica de planejamento e memorização através dos mapas mentais, uma ferramenta fantástica, que poucos estudantes utilizam, mas que pode triplicar a sua capacidade de assimilação de ideias, sintetizar aulas e livros, preparar apresentações e recuperar informações.

 

 

 


Quer saber mais sobre este assunto? Leia nosso e-book: Kit E-books: Organize seu Trabalho

"Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte: www.organizesuavida.com.br.
Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato."

http://www.organizesuavida.com.br/portal2010/news/bt-news.j

newsletter

7 dicas pra não esquecer das coisas

Quantas vezes você chegou no supermercado e descobriu que esqueceu a lista de compras? Entrou na farmácia e percebeu que não tinha a minima idéia do que foi fazer ? Pior, quantas vezes você esqueceu o aniversário do seu melhor amigo(a)?

Esquecer coisas importantes de vez em quando é normal, acontece com todo mundo, mas esquecer coisas importantes o tempo todo, desculpe, mas é mesmo falta de noção! Sim, falta de noção do quanto isso pode prejudicar a sua vida e a vida das pessoas que você gosta.

Quer parar de esquecer as coisas? A principal dica que posso dar pra é:

Crie o hábito de utilizar uma agenda.Carregue-a sempre com você e acostume-se a anotar tudo. Tarefas, lembretes, compromissos, aniversários, idéias e toda informação que você precisará recuperar em algum momento. A agenda é a melhor memória que uma pessoa pode ter para melhorar sua produtividade no dia a dia. É uma pena, mas muitas pessoas utilizam qualquer pedacinho de papel para anotar informações importantes e não utiliza qualquer tipo de agenda, como demonstra uma de nossas enquetes, respondida por mais de 5000 pessoas. Confira abaixo.

1. Envie a você mesmo uma mensagem. Quando não houver outra possibilidade de registro, “envie-se”uma mensagem de texto , de voz ou mesmo um e-mail. A mensagem ficará registrada até que possarecuperá-la ou transferi-la para sua agenda.
 
2. Utilize uma “caixa de entrada” de anotações. A chave para não esquecer nenhuma ideia ou pensamentoé capturá-los o mais rapidamente possível em uma
caixa de entrada portátil que você mantenha à mão tempo todo. Uma caixa de entrada portátil deve ser pequena, discreta e pronta para uso. Pode ser umgravador de voz, um assistente pessoal digital (PDA) ou um bloquinho de anotações.
 
3. Deixe sua “caixa de entrada” de anotações na cabeceira da cama. Ao dormir nossa mente ainda trabalhaelaborando novas idéias, através dos sonhos ou insights. Se tivermos à mão um gravador, cadernode anotações ou mesmo nossa agenda, este é um bom momento para tirar os pensamentos dacabeça e registrá-los.
 

4. Planeje tarefas rotineiras sempre no mesmo horário.Designe dias certos da semana para fazer certas coisas, como supermercado às segundas, levar a roupa para a lavanderia às terças e assim por diante. O hábito pode ser o melhor amigo da sua memória. Planeje sua rotina diária, semanal e se possível ate mensal! Isso lhe trará mais segurança quanto ao cumprimento das suas responsabilidades.

5. Coloque as coisas num lugar óbvioSempre esquece onde deixou as chaves do carro? Compre um porta chaves e pendure atrás da porta da cozinha ou outro local de fácil acesso, e acostume-se a deixar as chaves quando chega em casa. Coloque um bilhete no espelho do banheiro,te lembrando do remédio que precisa tomar.

6. Amarre um barbante no dedo. bom, bom, essa idéia é antiga e até meio idiota certo? Mas funciona às vezes. Trocar o anel de uma mão para outra, inverter o lado do relógio no pulso etc, pode ajudar quando você precisa lembrar de algo num curto período, por exemplo no espaço de tempo entre sair do trabalho e chegar em casa.

7. Use um Smartphone.Essa é a dica de ouro. Existem centenas de aplicativos voltados à anotações, disponíveis para todos os tipos de smartphones. Além disso, uma vez que seu telefone estará sempre com você, sua agenda ou seu bloco de notas também estarão, facilitando o hábito de anotar tudo e na hora certa. Se você quer saber mais sobre smartphones, faça aqui o downloadgratuito do guia interativo Organize-se com um Smartphone.

O grande Albert Einsten foi certa vez questionado por um reporter: “porque o senhor, que possui uma mente considerada brilhante, precisa de uma caderneta para ajudá-lo a lembrar do seu próprio telefone?” Einsten respondeu: ”pra que vou ficar ocupando minha mente com informações sem importancia, se posso anota-las e depois consulta-las no momento que quiser?”

 

Grande cara esse Einstein!

Organize-se, você pode!

 

 


"Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte: www.organizesuavida.com.br. Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato."

newsletter

Como organizar a mala para viagem de Carnaval

Viajar é sempre bom, principalmente quando temos o que festejar: o Carnaval.

São quatro preciosos dias para curtir, pular e, porque não, relaxarMas muitas vezes, antes de viajar, nos deparamos com um problema: arrumar a mala. As dúvidas são muitas: Como estará o tempo? Que calçados levar para curtir a folia? Como conseguir levar tudo que precisa sem encher demais a mala? Para ajudar a acabar com esta preocupação preparamos um Checklist para organizar a mala para os quatro dias de viagem.
 

 Antes de fazer as malas
Para selecionar a roupa e o calçado, informe-se sobre o tempo e as características climáticas do local para onde vai. Depois de se informar, escolha apenas as peças de roupa adequadas e duas mudas diferentes, para o caso de haver alguma alteração no clima.

Check list básico para mala de Carnaval:

 

* 4 shorts
* 4 blusas para o dia
* 4 blusas leves para a noite
* 2 vestidos fresquinhos
* 1 jaqueta jeans ou uma malha
* 1 camisola ou pijama
* 1 par de botas ou sapato fechado
* 1 par de sandálias
* 1 par de tênis
* 1 par de chinelos
* 4 pares de meia
* 5 conjuntos de calcinha e sutiã
* 2 bolsas

Acessórios:
* 3 pares de brinco
* 1 relógio
* 1 pulseira
* 1 óculos

Se for para a praia, aumente o número de calcinhas e sutiãs, inclua mais um par de sandálias, inclua 2 biquínis, além de acessórios como uma canga e uma bolsa de praia.

 Dicas

 

* Arrume a mala de acordo com o que você pretende fazer nestes dias.
* Para organizar a mala de viagem, leve roupas versáteis, que podem ser usadas durante o dia ou à noite.
* O segredo é escolher peças que combinem entre si e de vários jeitos, como preto e branco, jeans e blusinhas.
* Evite estampas, pois elas são mais difíceis de combinar.
* Os acessórios é que vão dar o toque final e tornar o vestuário escolhido mais desportivo ou mais sofisticado. Organize-os em estojos para viagem.
* Para a escolha dos calçados, leve um par de sapatos formal, um informal e uma sandália. Todos devem ter sido usados, para não machucar seus pés.

 

Como organizar a mala

* Jaquetas e blusas: vire-as do avesso, com uma manga dentro da outra, esticadas no comprimento da mala, por baixo de tudo. Quando levar apenas uma jaqueta, leve-a na mão. Se for viajar de carro, suportes para casacos que se encaixam no banco.

* Sapatos: coloque-os em sacos de tnt. Vão por baixo de tudo ou em nichos que se formam no final. Se preferir, utilize sapateiras para viagem, são muito úteis e deixam mais espaço para roupas e acessórios.

* Roupa íntima: leve-as em saquinhos ou colméias, próprios para armazenagem. Sempre com os conjuntos organizados. Para sutiãs e biquínis com bojo, gire uma das partes e encaixe, formando peça única, para não amassar.

* Bijuterias: separe-as em estojos com divisórias pequenas, hoje saquinhos e estojos de bijuterias próprios para viagem.

* Necessáire: lembre-se de colocar todo material líquido em saco plástico. Divida as coisas por categoria: produtos para banho, para rosto e cuidados gerais (como protetor solar) e para emergência (ex: remédios e absorvente).

* Saco de roupa suja: dobre o saco de modo oriental, enrolando até formar uma bandeirinha.

 Ordem das peças:
1.
No fundo vão os sapatos, devidamente embalados em saquinhos de tecido, ou em uma sapateira para viagem.

2. Acima dos sapatos vão as calças. Para que elas não amassem muito, coloque-as com as pernas para fora da mala e dobre depois de ter colocado todas as outras coisas. Nunca dobre mais do que duas vezes.

3. Em seguida, coloque jaquetas e blusas, viradas do avesso, com as mangas para dentro e dobradas apenas uma vez, ao meio.

4. Agora é a vez dos vestidos, também do avesso e com apenas uma dobra.

5. As camisetas e blusinhas vão enroladas, sobre as saias e vestidos. Roupas usadas devem ser colocadas em sacos para roupa suja para que não se misturem com as limpas.

 Outras dicas:
Hoje existem produtos no mercado especialmente preparados para organização de malas. Desde organizadores de acessórios e peças íntimas, até sacos a vácuo que diminuem em até cinco vezes o volume de roupas e objetos 


Quer saber mais sobre este assunto? Leia nosso e-book: Como Organizar Sua Viagem.

"Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte:www.organizesuavida.com.br. Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato."

newsletter

Como arrumar uma mala masculina?

Antes de começar a arrumação da mala, pense nas peças que irá levar.

Escolha as peças básicas e atente para que combinem umas com as outras.

• Cores vivas em gravatas e lenços ajudam a mudar a cara da roupa.

Leve uma sacola dobrável dentro da mala, geralmente as compras aumentam a bagagem na volta.

• Para eliminar problemas como vincos e marcas nas roupas, estenda a peça num cabide e aproveite o vapor do chuveiro para desamassá-la durante o banho.

Não esqueça de reservar uma pequena bolsa com remédios para viagem, pois comprá-los no exterior é mais complicado do que você imagina.

Nunca faça uma mala que você não consiga carregar sozinho.

Mala masculina para uma viagem de 7 dias:
1 paletó em cores neutras como azul marinho,
1 calça cinza,
1 gravata cinza,
1 sapato preto,
1 par de meias preta,
1 terno escuro completo,
1 paletó marrom com calça bege,
7 cuecas,
4 camisetas,
1 calça esporte,
1 calção de banho,
1 pijama.
Sapatos:
1 par de tênis,
1 par de chinelos,
1 par de sapato social.

Em viagens para o litoral, acrescente na bagagem: mais 1 calção de banho, 3 bermudões, 1 toalha de banho.

Em cruzeiros, acrescente conjuntos de roupas mais sofisticadas, como ternos escuros, sapatos finos e camisas sociais para os eventos, que acontecem geralmente neste tipo de viagem.

Quando for a um hotel-fazenda, acrescente as seguintes peças: 1 abrigo, 1 conjunto de malha, 1 suéter, 1 calça jeans, 2 camisetas de algodão de mangas compridas, 1 bermuda, 2 camisetas, 1 ou 2 pares de tênis, 4 pares de meias soquete, 1 mochila. Dependendo da situação leve 1 conjunto completo de montaria.

Na frasqueira, coloque escova de dente e cabelo, pasta de dente e sabonete, shampoo, creme de cabelo e hidratante para a pele, pente, preservativos, gel de cabelo, perfume, protetor solar apropriado para o tipo de pele. Adaptador de tomadas (plug) para recarregar celular, ligar ferro de passar roupa e secador de cabelo. Bolsinhas individuais para remédios, porta-níqueis, clips, fita colante, tesoura, grampos, guarda-chuva.

Falta espaço na mala?
Não se esqueça de usar o modelo de space bag que mais se adequa a suas necessidades. O modelo travel é ideal para malas porque compacta até 2x o volume das roupas, sem precisar utilizar o aspirador. o tamanho médio é ótimo para guardar camisas e peças menores.

 


Quer saber mais dicas para sua organizar sua mala e muito mais? Leia o e-book: Como Organizar a sua Viagem

“Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte: http://www.organizesuavida.com.br/.
Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato.”

newsletter

10 conselhos para quem vai viajar

1. Deixe a mala o mais leve possível. Lembre-se que ao voltar você trará um monte de tralhas e presentes de viagem. Pese sua mala antes de sair de casa com uma balança portátil para não pagar excesso de bagagem.

2. Leve na mala uma mochila pequena. Assim você poderá se movimentar bastante pela cidade sempre com as mãos livres.

3. Coloque apenas algumas roupas, optando por cores sólidas. Preto é interessante, principalmente se você tiver que ir numa festa e ficar na dúvida sobre qual cor vestir. Preto sempre cai bem.

4. Na maleta de bordo, coloque apenas aquilo que realmente você vai precisar durante o vôo.

5. Opte por roupas de tecidos que não amassam e de secagem rápida.

6. Vai sair de férias? Ah, então esqueça o notebook, smartphones, iphonesipods. Esqueça do trabalho!

7. Leve um pequeno guarda-chuva, dobrável. Em tempos de aquecimento global, nunca se sabe quando vai chover.

8. Leve somente uma escova de dentes. Tudo que se refere a higiene pessoal você encontrará no seu destino. Ao menos que você esteja viajando para uma ilha deserta

9. Algumas lembranças você pode mandar pelo Correio para sua casa. Em caso de presentes, pode mandar diretamente para o presenteado. Assim você não pagará excesso de bagagem e ficará mais despreocupado com as bugigangas.

10. Coloque na mala um Space Bag portátil para usar na volta e compactar as suas roupas. Assim sobra espaço para suas comprinhas

 


“Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte: www.organizesuavida.com.br. Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato.

newsletter

Você é um guardador crônico?

Inúmeras pessoas têm sérias dificuldades para se desfazer de obje­tos, roupas, documentos e “coisinhas”. Que jogue a primeira pedra quem nunca olhou um casaco sem uso anos e se perguntou “Será que eu não vou usar mais MESMO?” Sim! O ato de guardar coisas é comum a todos os mortais. O que muda é o grau em que cada um de nós somos guardadores.

A pedido da repórter da Revista do Jornal da Tarde, Marcela Rodrigues, elaborei um teste para descobrirmos, então, em que grau somos guardadores.
Atreva-se a testar seu apego às coisas. Você pode se surpreender

TESTE: É HORA DE JOGAR FORA?
Pense em algo que você tenha guardado e responda SIM ou NÃO:

1. Você usou este objeto nos últimos 2 anos?
2. Ele ainda serve em você?
3. Você ainda gosta do objeto tanto quanto gostava quando comprou ou ganhou?
4. Você ainda aprecia o estilo ou design deste objeto, ou seja, ele tem a ver com sua personalidade e estilo atual?
5. Este objeto é uma recordação familiar, amorosa ou de viagens?
6. Você tem algum motivo legal, prático ou específico para guardá-lo?
7. Você imaginou a possibilidade de que jamais use novamente o objeto?
8. Você se sente confortável e seguro imaginando-se sem o objeto?
9. Você sente mais satisfação em permanecer com o objeto em desuso do que usar o espaço que ele ocupa para um objeto novo?
10. Você pensou que este objeto pode ser um achado incrível para outra pessoa?

Até 3 NÃO Pessoa padrão: normalmente descarta o que não usa mais, porém é ape­gado a alguns objetos.
De 4 a 6 NÃO Guardador: guarda inúmeros objetos mesmo sem ter certeza de que algum dia lhe serão úteis novamente.
De 7 a 10 NÃO Guardador crônico: não consegue se desfazer de quase nada e man­tém por anos a fio objetos sem utilidade.

Autora: Ingrid Lisboa


“Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte: www.organizesuavida.com.br. Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato.”

newsletter

Como conservar o seu biquíni

1. Evite o contato da peça com produtos cosméticos (cremes, óleos, bronzeadores) e produtos químicos em geral. Outro ponto importante é evitar o contato do tecido com áreas abrasivas, como a areia e as pedras que circundam piscinas, para que não ocorra rompimento de filamentos da poliamida.

2. Os biquínis de cores luminosas ou fluorescentes são mais sensíveis à luz solar. “Se quiser ficar horas no sol, prefira as peças de cores neutras, como marrom e bege”, ensina Jaqueline Di Biase, estilista da Salinas. O elastano de cor branca pode ficar amarelado se exposto durante longo período ao sol. “O próprio suor humano também pode amarelá-lo”, diz Despina Filios, designer da Despi. “Biquínis brancos são lindos, mas não são para ‘bater’”, conclui.

3. O cloro é o principal agressor do elastano. Ele pode prejudicar a fibra e, com isso, diminuir a elasticidade da peça. Portanto, evite ficar muito tempo dentro da piscina.

4. As ferragens e aplicações devem ser confeccionadas de forma que não marquem a pele ou rasguem os tecidos. “O metal pode ser o zamak, que não esquenta e também não enferruja”, conta Guilherme Vieira, estilista da Clube Bossa.

5. Após o uso em praia ou piscina, é preciso lavá-lo imediatamente em água abundante, sempre à mão e com sabão neutro. “O contato entre peças molhadas, principalmente as de cores escuras, com outros materiais têxteis, pode causar manchas. Por isso, lave as cores separadamente e pendure no varal sem encostar em outras roupas”, afirma Silvana Eva, gerente de moda praia da Lycra. Mais: não deixe de molho, não torça e não a guarde molhada. E nunca, jamais, em hipótese alguma, passe a ferro.

6. Para não desbotar, a dica é, depois de lavar, secar à sombra.

7. Para evitar que as peças mofem, guarde em local arejado. Os biquínis de bojo devem ser guardados abertos, para que não formem estrias no elastano.

 


“Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fonte: www.organizesuavida.com.br. Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato.”

5 dicas para viver com simplicidade e organização

O que é simplicidade afinal? Não existe uma teoria sobre o que é ser simples. Isso varia muito de pessoa para pessoaCoisas que são simples pra mim pode não ser pra você. Devemos buscar soluções e alternativas que nos ajude a viver de uma maneira mais simples e organizada, mas sem forçar nossa natureza. O segredo é adotar hábitos que possam contribuir para que a gente alcance o equilíbrio entre nossa vida pessoal e profissional,  de forma prazerosa. Abaixo coloco algumas dicas que podem servir pra você.

1. Faça planos simples – Um plano simples é aquele fácil de ser seguido e que pode ser executado com poucas ações objetivasPor exemplominha meta é ir pra Itália nas férias do ano que vem. Minhas ações poderiam ser: pesquisar qual a melhor época para a viagem, consultar uma agência e escolher o melhor pacote, negociar minha saída de férias na empresa, providenciar os recursos financeiros necessários e organizar a viagem. Esta é uma época propícia para fazer as nossas resoluções de ano novo, mas se não as planejarmos corretamente, corremos o risco de não as realizarmos novamenteVeja aqui o artigo

2. Simplifique seu espaço de trabalho –  Trabalhar num espaço limpo e organizado é fundamental para que possamos manter o foco e ganhar produtividade. Isso não significa deixar tudo arrumadinho ou bonito aos olhos dos outros, mas sim deixar de uma forma que funcione bem pra você. Jogue coisas fora, limpe suas gavetas e organize seus arquivos. Dica: conheça o OZ! Arquivo Mágico. Separe um dia exclusivo para esta atividade e mãos a obra. Veja aqui um guia simples para ajudar você nesta tarefa.

3. Use os recursos digitais a seu favorAssim como uma mesa ou ambiente bagunçado, um computador desorganizado também pode roubar o nosso tempo e prejudicar nossa produtividade. Veja aqui como organizar seu computadorseus e-mails. Considere também a possibilidade de utilizar um Smartphone (Iphone, blackberry, etc) para organizar e simplificar a sua vida. O smartphone pode te ajudar a centralizar todas as informações que você precisa para gerenciar tarefas e atividades, além de oferecer inúmeros outros recursos úteis.

4. Não acumule coisas demaisSimplifique sua vida. Crie o hábito de tirar duas peças de roupa do armário a cada uma nova que comprar. Um armário ou closet entulhado, entre outros problemas, faz com que você perca o controle sobre o que tem e compre coisas desnecessárias. Uma ou duas vezes por mês de uma olhada nas coisas que você não usa mais e separe para doar. Seu vizinho, sua prima ou uma pessoa carente podem estar precisando. Além de roupas, veja também brinquedos, livros, equipamentos esportivos , CDs, Games e todas aquelas bugigangas que caem na sua cabeça quando você abre o maleiro do quartinho dos fundos. Quer uma ideia legal? Deixe algumas dessas coisas que não usa mais no porta-malas do seu carro e ofereça à pessoas carentes quando encontra-las pelas ruas .

5. Concentre-se naquilo que é importante  – Aprenda a fazer uma coisa de cada vez e focar naquilo que realmente importa. O hábito de planejar é importante para ajudar você a ser mais produtivo e evitar o retrabalho. Planejamento não significa necessariamente uma coisa complexa. Uma ótima ideia e que pode facilitar muito a sua vida é utilizar a técnica dos Mapas Mentais. Se quiser conhecer mais acesse esse site ou leia este livro

Organize-se, você pode!

 


"Esta matéria pode ser publicada gratuitamente em seu site, jornal, revista ou newsletter, desde que citada a fontewww.organizesuavida.com.br. Se desejar publicar artigos e informações exclusivas entre em contato."

newsletter